• CINE COACHING: “Conversando com Deus” (Filme Dublado + Resenha)

    Posted on 30/11/2012 by ÉVORA FERRAZ in Cine Coaching.

     

    CONVERSANDO COM DEUS

    Título original:  Conversations with God

    Gênero:  Drama

    País/ano:  EUA/2006

    Duração:  110 min

    Diretor:  Stephen Deutsch

     

    RESENHA

    O filme conta a história do produtor de rádio Neale, que sofre um acidente de carro, quebra seu pescoço e, desempregado, não consegue recolocação em nenhum lugar, apesar de ser bem qualificado.

    Sem dinheiro para custear suas despesas, fica sem moradia e se transforma em um mendigo.  Passa fome, frio e várias situações desagradáveis nessa nova condição. Um dia consegue um novo emprego como DJ e, aos poucos, começa a se reintegrar a sociedade. Entretanto, a rádio vem à falência, e mais uma vez perde o emprego.

    Em depressão, passa a questionar a existência de Deus e sua vida. Começa então a ouvir uma voz, que parece ser a de Deus, e que passa a revelar-lhe as respostas que procura. Neal começa a escrever sem parar tudo o que a voz revela. Os registros são transformados em livros e logo o escritor alcança o sucesso.

    Podem-se conferir diversas referências ao processo de coaching. Vê-se a necessidade de ressignificação, da persistência e, apesar dos revezes da vida, confiar e seguir em frente. Observam-se no filme as várias coincidências e fatos sincrônicos ocorrendo. As resistências do personagem Neal e as buscas por respostas as suas dúvidas sobre sua vida.

    Percebe-se que a voz que Neal ouve passa a fazer o papel de seu coach, trazendo significado a tudo o que ele sempre quis saber. A voz faz alusão ao fato de que todos têm as respostas de seus problemas dentro de si mesmos. E o processo de coaching é isso. Apesar do apoio do coach, o coachee trilha sozinho seu caminho, passa a se ouvir e toma decisões baseado naquilo que é melhor para si mesmo (autoconhecimento). Todos são fontes de infinito conhecimento, é só saber ativar essa força.

    Outro conceito interessante abordado no filme é a necessidade de fazer aquilo que se gosta, a vocação de alma, para se tornar próspero. Dessa forma,  “para-se de correr atrás do dinheiro e este passa a correr atrás de você”. E dentro da prosperidade, saber dividir, compartilhar a abundância com outras pessoas.

    Fazendo um paralelo de que a abundância pode não ser o “dinheiro” em si, mas sim, o conhecimento que Neal adquiriu, ele passa a fazer palestras distribuindo suas informações para outros, assim como seu livros também o fizeram.

    Assista ao filme completo, dublado e faça suas próprias reflexões. Bom Filme!

    Conversando com Deus

     

     

     

     

    Post Tagged with
Comments are closed.